Navigation Menu

Renner lança 130 peças com matérias-primas sustentáveis

Renner lança 130 peças com matérias-primas sustentáveis



Oie,


Atenta à importância de construir uma moda responsável, a Renner está engajada no objetivo de entregar aos clientes produtos e serviços sustentáveis.



 Nesse sentido, a Renner desenvolveu junto a fornecedores peças confeccionadas com componentes menos impactantes ao meio ambiente para incorporar às suas coleções.
Desde setembro as lojas Renner recebem produtos femininos, masculinos e infantis com tags explicativas indicando o uso de duas matérias-primas sustentáveis: o fio reciclado e o liocel. As tags descrevem as características dessas matérias-primas.
"Queremos informar cada vez mais os clientes sobre o tema para incentivar o consumo de roupas que tenham apelo de moda, mas que sejam produzidas com componentes menos impactantes ao meio ambiente", afirma o gerente sênior de Sustentabilidade da Lojas Renner, Vinicios Malfatti.

No total, são 130 modelos diferentes distribuídos nos departamentos feminino, masculino e infantil. Em volume, a quantidade de peças feitas com matérias-primas sustentáveis em 2017 chega a 500 mil. Os produtos estão disponíveis tanto nas lojas físicas Renner como no e-commerce (www.lojasrenner.com.br).
No feminino há vestidos, blusas e calças, por exemplo. No masculino, bermudas, camisetas e regatas. Já no infantil, as peças incluem vestidos, batas, camisas e shorts.

Renner lança 130 peças com matérias-primas sustentáveis

FIO RECICLADO: Matéria-prima originada da reciclagem de material têxtil e/ou PET para a criação de um novo tecido. Segue o princípio de economia circular, em que os resíduos têxteis são desfibrados e recolocados no processo produtivo.
LIOCEL: Fibra celulósica, de origem renovável, extraída da polpa de madeiras certificadas, adotando processos mais eficientes na utilização de recursos naturais e menos impactantes.

Estratégia da companhia
A iniciativa da Renner de desenvolver roupas com matérias-primas menos impactantes ao meio ambiente está ligada ao plano estratégico de sustentabilidade da Lojas Renner e envolve uma série de outras ações.
Dentro do conceito de fechamento de ciclo da economia circular, as cortinas dos provadores convencionais e as sacolas que auxiliam os clientes durante sua experiência de compra na Renner passam a ser substituídas por modelos fabricados com fio reciclado, reaproveitando resíduos têxteis gerados por fornecedores.

Além disso, a companhia está associada à Better Cotton Initiative (BCI), organização internacional que promove melhores práticas na produção de algodão, certificando as propriedades rurais e a cadeia de fornecimento nos requisitos de responsabilidade socioambiental. A previsão é de que este ano pelo menos 5% do total do algodão usado nas peças da Renner será certificado pela BCI. Em 2018, este número aumentará para 15%.

Os avanços da Lojas Renner no campo da sustentabilidade representam um processo de transição para a economia circular, que é regenerativa, restaurativa e pretende manter constantemente produtos e materiais em seu mais alto nível de utilidade e valor. As ações nesse sentido são desenvolvidas em parceria com a Universidade de São Paulo (USP) e também com a Ellen MacArthur Foundation, com o propósito de construir soluções sustentáveis dentro do setor de vestuário.

Gostaram da novidade? Espero que sim.
Beijocas,
Cris

5 comentários:

  1. Que legal! Adorei essa novidade de peças reclináveis. Isso eh tendência agora hehehe...essa semana vou passar lá pra dar uma olhadinha. Adorei o post! Parabéns linda! Bjus

    ResponderExcluir
  2. Que demais essa novidade! Adorei! Quero ir lá conferir já!

    ResponderExcluir
  3. Que bacana, faz um tempo que não entro na Renner.
    Vou passar lá pra conferir.
    Bjão

    ResponderExcluir
  4. Que ótima novidade, fiquei curiosa pra conferir!

    ResponderExcluir
  5. Que bacana, todas as grandes lojas e marcas deveriam fazer igual!!
    Beijinhos Fê
    www.bloglovers.com.br

    ResponderExcluir

Gostaram? comentem :)

Siga @crisfeelix